Arquivo da tag: mac

Outro batom comprado na Brigette’s Boutique foi o Madly Creative, de acabamento “Frost”, da MAC. Até o momento desse post, o produto está esgotado na Brigette… :/

Ainda farei um post explicando os tipos de acabamentos dos batons da MAC, mas já adianto que o Frost é um tipo de ‘metálico’, dando um toque de prateado, bronze ou dourado na cor. Confesso que gosto dos mais cremosos, mas não ligo de variar e passar um metálico às vezes… Até porque ele dá um efeito tridimensional aos lábios e aparência de mais carnudos. Não é?

Enfim, vamos aos detalhes!




Textura, pigmentação e cor

Em minha opinião, o acabamento Frost dá a impressão de ter uma textura diferente que os batons cremosos. Parece-me que ele dá um toque “emborrachado” na textura. Talvez seja pelas matérias-primas utilizadas para dar o efeito metálico, não sei, posso estar falando besteira. O que posso dizer com certeza é que, apesar de espalhar bem nos lábios, não é tão cremoso quanto os outros acabamentos da MAC. Porém, o resultado final é uma cobertura total dos lábios, caso você passe de duas a três camadas dele nos lábios.

O Madly Creative tem toques de prateado na cor, como pode ser visto nas fotos. A cor é um rosa queimado e claro – é quase o tom real de minha boca (mostrada na foto de cima, do lado esquerdo, na primeira imagem). Gostei muito da cor por ser próxima a dos meus lábios. Ou seja, pra mim é uma cor neutra, mas com o metálico dá um toque refinado e a impressão que citei no início do post: de os lábios serem mais carnudos. Essa cor é ótima para ser usada quando uso uma maquiagem mais escura nos olhos, pois dá o equilíbrio final na make, apesar de também chamar atenção por si só.

Duração

Também tive a impressão que o Frost dura menos nos lábios que os cremosos, não sei o porquê. Além disso, é mais difícil de tirar o excesso do batom nos lábios com um lenço de papel e passar pó antes da segunda camada, pois fica limitado o efeito metálico nesse processo. Portanto, quando a primeira camada enfraquece, a de baixo já não tem o mesmo efeito. Ou seja, o velho truque de fazer o batom durar mais pode não ser a melhor saída neste caso. Então, após hidratar os lábios com um hidratante para lábios (lip balm), eu procuro passar um camada de pó antes das duas camadas do Frost. Dura menos que a técnica citada anteriormente, mas ainda dura mais que se eu passar apenas a cor diretamente nos lábios.

Fragrância

Como todo batom da MAC, a fragrância existe, mas é bem suave. O Madly Creative, em específico, tem uma fragrância menos doce que as cores mais fortes e avermelhadas da MAC. Será que é proposital?

Embalagem

A embalagem também é padrão, como os outros batons da MAC. Fecha super bem e tem a sua identidade – o preto básico num formato arredondado, com o escrito da marca bem delicado. Orgulho de toda necessaire…

Custo-benefício

Na Brigette’s Boutique paguei $16.50 (aproximadamente 28 reais), mas deve ser porque essa cor é um pouco antiga e, por isso, nas lojas da MAC já não tem mais. Como vale sempre a pena ter um batom da MAC, não vou dizer que não existe custo-benefício, mas poderia ser mais barato. Porém, ainda valeu a pena.

Avaliação

Para saber mais sobre a avaliação, leia o FAQ.

  • Textura: 9/10
  • Pigmentação: 9/10
  • Duração: 8/10
  • Fragrância: 9/10
  • Embalagem: 10/10
  • Custo: 9/10 (nos EUA)
  • Média: 9


    Ainda não tive um feedback sobre o novo método de resenhas aqui no blog. Afinal, o que vocês acharam? 🙂

    Quando vi o batom da MAC Viva Glam Gaga, pensei que não venderia muito, por ser uma cor rosa clara, tipo iogurte. Achei estranho, confesso. De qualquer forma, quando chegou na Brigette’s Boutique o gloss dessa versão da Lady Gaga, que é limitada, resolvi comprar e arriscar pra ver como a cor ficaria em mim. Eu também não tinha ainda um gloss da MAC, então seria o meu primeiro.


    Descrição e realidade

    A descrição do site oficial da MAC diz que é um gloss, brilhante, que pode ser combinado com o batom de mesmo nome. Quanto a isso não posso opinar, pois não tenho o batom. E não acho que é preciso ter o batom para se poder comprar. Porém, só com o gloss aplicado, ficou estranho.

    Acumulou nas linhas dos lábios e, consequentemente, marcou as pelinhas secas que estavam em minha boca quando tirei a foto do swatch.

    Textura e pigmentação

    Não sei se os outros gloss da MAC têm as mesmas características básicas, mas a textura do Gaga é cremosa e, se posso definir assim, “grossa”. Quanto à pigmentação, é bem rosa mesmo, mas quando espalhado, o gloss não dá um aspecto uniforme da cor à boca. Fica com falhas, como visto na foto.

    Para evitar essas falhas na cor, o ideal é passar um batom de tom parecido por baixo, e ele por cima. Se você só quer dar um tom rosado na boca, pode aplicá-lo e tirar o excesso com papel, mas aí perde o efeito do lipglass, que é bem brilhante.

    Ou seja, pra mim, esse lipglass é só um complemento da maquiagem de boca. Pode ser aplicado em cima de outras cores de batom, para variar o tom e descobrir novas tonalidades com os produtos que você já tem. Assim como com qualquer outro gloss.

    Fragrância

    A fragrância é doce, mas bem suave. Quase não se sente o cheiro quando o gloss é aplicado, mas a fragrância está ali. Acostumei com ela após aplicada.

    Custo-benefício

    Considerando o que paguei, 17 dólares (aproximadamente 28 reais), o custo-benefício já é pouco. Se você comprar no Brasil e pagar o quanto custa o produto aqui (mais ou menos 70 reais), não vale. Então, se você quer complementar um batom que você tenha, gosta desse tom de batom e possa pagar o valor mencionado, pode valer a pena para complementar sua coleção. Especialmente se você é fã da MAC.

    Quem aí tem e gosta do Viva Glam Gaga Lipglass? Quem ainda quer ter? Comentem mais! 🙂

    Experimentei em minha boca novamente depois, quando estava mais lisa, e o gloss teve uma aparência melhor. Dei umas batidinhas de corretivo nos lábios para neutralizar a cor deles, e então passei o gloss. Ficou lindo! Recebi elogios. Agora até penso em comprar o batom… 🙂

    A minha amiga Patty foi ao Chile e já tinha me avisado que traria presentinho da MAC pra mim… Nem preciso contar que fiquei animada. Mas após uma dica sem-querer-querendo minha, que falei que eu estava louca em ter o batom Viva Glam Cindy, acabei ganhando ele dela! E ela viu a minha dancinha de felicidade.

    Obrigada Paty! 🙂

    Vamos às fotos!






    Eu fiquei tão animada que acabei usando ele uma vez antes de tirar as fotos, por isso ele não está mais intacto aí… 😀

    MAC é MAC, já diriam as pessoas que tem ao menos um produto da marca. Então já nem preciso dizer muita coisa. A textura é cremosa e macia, a cor é pigmentada na medida certa e fica na boca por bastante tempo. Como todo batom MAC, não marca muito as pelinhas secas dos lábios, então espalha perfeitamente. O cheiro é suave. Ou seja, muito amor aos batons da MAC!

    Para quem não sabe… Este batom é referente à Cindy Lauper, que lançou o batom da MAC juntamente com a Lady Gaga – que levou em seu nome um batom rosa claro, bem excêntrico, digamos assim. As duas cantores estão muito bem representadas pelos produtos, que lembram realmente elas.

    A cor do Viva Glam Cindy é como eu esperava: maravilhosa! É um vermelho rosado, ou rosa avermelhado… Que seja. É uma cor que deve ficar bem em todos os tipos de pele: brancas (como eu), morenas claras e negras. Eu amo esse tipo de tonalidade em mim e, ultimamente quando saio, passo ele. Inclusive no sábado eu usei uma sombra marrom escura e ele na boca… Até o namorado reparou no arraso que ficou a combinação! Ou seja, esse batom é pra arrasar!


    Altamente indicado! Uma pena que no Brasil os batons da MAC custem 69 reais… Mas se algum conhecido seu estiver indo ao exterior, peça, porque lá fora custa em torno de 15 dólares (aproximadamente 25 reais).

    Alguma de vocês tem batom MAC? Qual cor você mais gosta?

    Compartilhe nos comentários! 😉