Eu adoro tranças. Acho lindo em qualquer tipo de cabelo, seja qual for o tamanho, a cor ou a textura dele. A trança valoriza qualquer visual! Por isso, resolvi fazer uma série de posts falando sobre elas. Começarei pelo começo: os tipos de tranças.

Veja a seguir quais são as tranças mais comuns – ilustradas em gifs e com os links para seus vídeos completos no YouTube!

1. Trança tradicional (com 3 mechas)

Em inglês: Regular braid


Vídeo completo no canal da Missy Sue

A trança tradicional consiste em pegar 3 mechas e ir cruzando elas com os dedos, de modo que uma mecha cruze em cima da outra.

2. Trança corda (com 2 mechas)

Em inglês: Rope braid


Vídeo completo no canal Tony Guy

A trança corda, com 2 mechas, nada mais é que duas mechas torcidas e enroladas uma à outra.

3. Trança de 4 mechas

Em inglês: Four Strand Braid


Vídeo completo no canal Luxy Hair

Na trança na versão 4 mechas (ou quatro pontas) você deve separar 4 mechas e trabalhá-las como o gif/vídeo mostra: a 1ª mecha vai por cima da 2ª subsequente e por baixo da 3ª a seguir, e a 4ª mecha por baixo da 3ª (anterior) e por cima da 2ª.

4. Trança francesa (ou embutida)

Em inglês: French braid


Vídeo completo no canal The Hair Look

A trança embutida, ou francesa, inicia a primeira trançada como uma trança normal (de 3 pontas), mas a partir da segunda, já começa pegando mechas soltas das laterais para juntar à mecha a ser trançada – uma por cima da outra.

5. Trança alemã

Em inglês: Dutch braid


Vídeo completo no canal HairNailsInspiration

A trança alemã é também uma trança embutida, mas com as mechas passadas uma por baixo da outra – ao contrário da francesa. Ou seja, é a trança francesa com todas as mechas trançadas à mostra.

6. Trança embutida ao contrário (ou invertida)

Em inglês: Upside down french braid (ou upside down dutch braid)


Vídeo completo no canal da Missy Sue

Essa trança começa da nuca e vai até o meio da cabeça do mesmo modo que é feita a trança francesa (embutida) ou alemã (caso trance as mechas uma por baixo da outra). No gif, a Missi Sue faz a trança alemã ao contrário. É uma ótima pedida para um coque bagunçado, arrumado ou mesmo um rabo de cavalo! Há quem faça a trança na parte de cima também, para depois prender. Há várias opções!

7. Trança espinha de peixe

Em inglês: Fishtail braid


Vídeo completo no canal Howcast

Por ser um trançado bem fino meio a uma trança mais larga, essa trança é chamada espinha de peixe. Ela pode ser embutida ou só no rabo de cavalo, ou de lado nas pontas. Do jeito que preferir! Para fazê-la, é preciso separar 2 mechas média a grandes, pegar uma mecha pequena do lado externo de uma delas, junta essa mecha menor à outra mecha grande, e desta, pegar também uma pequena mecha do lado externo e juntá-la na outra mecha maior – e assim por diante. Explicar em texto é difícil! Veja o vídeo (do link abaixo do gif) e entenda melhor. 🙂

8. Trança cascata

Em inglês: Waterfall braid


Vídeo completo no canal da Missi Sue

A trança cascata é muito usada em penteados. É uma trança feita indo na direção horizontal, para o lado de dentro do cabelo, onde algumas mechas do trançado cai junto ao cabelo – por isso o nome “cascata” (ou cachoeira). Para começá-la, é preciso separar 3 mechas da parte que gostaria onde ela começasse (geralmente é de um dos lados da frente do cabelo), e iniciar como se fosse a trança francesa. Depois que sair da lateral da testa, ao invés de juntar mais mechas às da trança, vai começar a soltar a mecha que estiver indo para baixo – pegando uma nova mecha debaixo dela para continuar. Essa também é difícil de explicar em texto! Veja o vídeo da Missi Sue indicado no link acima.

É isso! 😀

Consegue fazer alguma dessas?

Confesso, eu ainda sou uma negação. Estou treinando todas aqui nessa cabelo curto e crespo – o que é uma tarefa difícil.

Obs.: Não incluí as tranças afro (que vêm da cultura africana ou são inspiradas nela), porque são muitas opções dentro dessa categoria – rastafari, nagô, rasteira, etc. Se quiserem um post só desses tipos de tranças, comente pedindo! 🙂

email