Na São Paulo Fashion Week deste ano entrevistei para o site da Ana o maquiador Sadi Consati – creio que muitas de vocês devem conhecer o trabalho dele. Ele é um dos maquiadores de O Boticário, mais especificamente da linha Intense. Ele, aliás, tem um blog muito legal com as dicas dele de maquiagem.

Na matéria que publiquei ele ensinou como usar delineador e fazer um traço bem feito. Mas depois da entrevista pra matéria ele deu dicas gerais e muito legais de maquiagem. Foi mais uma conversa sobre o assunto, onde ele comentou o que achava sobre certos pontos.

Foi já alguns meses, mas achei aqui em meus arquivos e não aproveitar essas informações seria desperdício.

Confira abaixo na íntegra as dicas de Sadi, conforme o assunto.

Blush

“Deve-se tomar cuidado com o blush porque quando a gente trabalha com cores intensas nos olhos, no traço ou na sombra, ou mesmo na boca, o blush deve ser leve e natural. É só um ar de saúde, e não um “rosa boneca”. É um rosado que parece mais parecer vir de dentro, de corada mesmo. Tem que haver um “espaço” entre olhos e boca, e este espaço são as bochechas, onde estará o blush.

Há dois jeitos que usar blush, que é diferente um do outro. Um é o blush efeito saúde, que é usado na parte alta da bochecha, usado desde a época do “rouge”. Ali é para ser aplicado o blush em movimentos circulares com um pincel, e em volta deve ser bem esfumado e puxado para fora. Este é o blush clássico.

O outro é o blush de correção ou contorno, que é muito confundido com o blush clássico, utilizado para sombrear o rosto na parte mais funda abaixo da bochecha. O tom desse blush é terracota ou tons de marrom, fosco. Isso não deve ser feito com o colorido. Então a mulher pode afinar o rosto com o blush de contorno, e esfumar com o blush das bochechas.”

Batom vermelho

“O batom vermelho está bombando! A mulher redescobriu o vermelho e perdeu o medo de usá-lo. Ela está se sentindo confortáveis e sexy por usar o vermelho nos lábios. Porém, deve haver um cuidado e saber usá-lo. A mulher deve escolher o tom de vermelho que dê certo para seu tom de pele.

O vermelho mais fechado, que não é muito vivo e nem muito escuro, dá certo para quase todo mundo. Para as loiras ou de pele bem clara, recomendo o vermelho que é levemente puxado para o rosa, que cria uma leveza maior no visual. Ou, ainda, o tom de vermelho cereja fica lindo! Mas é mais contrastante.

Para as morenas o fundo do vermelho deve ser amarelo ou laranja, por serem cores mais quentes, e irá harmonizar com o tom de pele. Para as negras, sugiro o vermelho mais queimado, como o vinho ou uva, que também estão em alta nesta estação.

As claras e morenas também podem usar o vermelho vinho. A dica para todas usarem o batom vermelho vinho é fazer, antes, uma maquiagem de pele perfeita! Se a pele está uniformizada e bonita, não causa estranhamento o tom de vermelho. Assim, o vermelho vinho fica muito bem.”

Erros comuns na maquiagem

“Dou muita aula de auto-maquiagem, atendi mais de 50 mil mulheres, e o que sempre percebo é que elas viajam demais na maquiagem! Elas pegam muito produto de uma vez para colocar no rosto. Mancha a pele com base, depois não consegue consertar, coloca muito blush e também fica manchado, parecendo bonecas, coloca muita sombra e cai pigmento no rosto, etc. Então o segredo é sempre o mesmo: ir com calma!

Vai com calma e acrescente o produto gradativamente. É mais fácil colocar menos do que colocar mais e tirar. Então passe o produto, olhe no espelho e verifique se está na medida certa, senão colocar mais um pouquinho e olhe de novo, e assim por diante; até sentir que deu o tom certo. Assim não tem erro.

Tenho outra dica legal que é sempre se olhar no espelho de longe, não apenas de perto, para evitar um visual muito impactante! Uma coisa é olhar de perto, outra é olhar de longe.”

Concordam?

email